Dupla Delícia.

Dupla Delícia.

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Se as estações estão mudando, agradeça.

De vez em quando minha alma se cansa (de mim mesma e dos outros). 
De vez em quando as pessoas e suas reações contraditórias me assustam. 
A incoerência me atormenta. Porque uma coisa que sempre busquei foi ser coerente. 
Eu sei, ninguém tem poder sobre nós. 
Eu também sei que cada um é de um jeito, e respeito isso. Mas não quer dizer que saber das diferenças me torne insensível à elas. 
Mas aí, depois de alguns minutos de reflexão, tiro os olhos de mim (ainda bem!) e olho para o Autor e Consumador da Fé. Olho pra Aquele que é o Alfa e o Ômega, o Princípio e o Fim. E me lembro que quando estamos firmados Nele, somos "como árvores plantadas junto a ribeiros de águas e NO DEVIDO TEMPO dá o seu fruto"
 Não dá pra adiantar as estações, mas podemos manter as folhagens alimentadas (assim não murcham), e ainda podemos cumprir as estações. 
Não, nem todo mundo muda de estação. Um galho seco, sem raiz, não cumpre propósitos, o tempo ou estação não faz diferença. 
Então, se ainda vivemos as estações já é um bom motivo para agradecermos. 
Independente de ser primavera, verão, outono ou inverno, agradeça. Você ainda está conectado.
Apenas cuidemos da raiz. Firmemos em Cristo, que é a manifestação VIVA da Palavra. 
Há um percurso para que se cumpra o que foi "escrito" desde o princípio. 
Porque "a palavra não volta vazia, ...prosperará naquilo a que foi enviada"
O tempo não é determinado pela árvore (você e eu), mas por Aquele que rege os mares, por Aquele que habita fora do tempo. 

Pense nisso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário