Dupla Delícia.

Dupla Delícia.

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Se as estações estão mudando, agradeça.

De vez em quando minha alma se cansa (de mim mesma e dos outros). 
De vez em quando as pessoas e suas reações contraditórias me assustam. 
A incoerência me atormenta. Porque uma coisa que sempre busquei foi ser coerente. 
Eu sei, ninguém tem poder sobre nós. 
Eu também sei que cada um é de um jeito, e respeito isso. Mas não quer dizer que saber das diferenças me torne insensível à elas. 
Mas aí, depois de alguns minutos de reflexão, tiro os olhos de mim (ainda bem!) e olho para o Autor e Consumador da Fé. Olho pra Aquele que é o Alfa e o Ômega, o Princípio e o Fim. E me lembro que quando estamos firmados Nele, somos "como árvores plantadas junto a ribeiros de águas e NO DEVIDO TEMPO dá o seu fruto"
 Não dá pra adiantar as estações, mas podemos manter as folhagens alimentadas (assim não murcham), e ainda podemos cumprir as estações. 
Não, nem todo mundo muda de estação. Um galho seco, sem raiz, não cumpre propósitos, o tempo ou estação não faz diferença. 
Então, se ainda vivemos as estações já é um bom motivo para agradecermos. 
Independente de ser primavera, verão, outono ou inverno, agradeça. Você ainda está conectado.
Apenas cuidemos da raiz. Firmemos em Cristo, que é a manifestação VIVA da Palavra. 
Há um percurso para que se cumpra o que foi "escrito" desde o princípio. 
Porque "a palavra não volta vazia, ...prosperará naquilo a que foi enviada"
O tempo não é determinado pela árvore (você e eu), mas por Aquele que rege os mares, por Aquele que habita fora do tempo. 

Pense nisso.

quinta-feira, 6 de julho de 2017

O propósito é sempre coletivo.

Quando Deus nos dá uma palavra (direção), nos chama para algo, nos dá um propósito, esse propósito sempre envolve outras pessoas. Nunca será um propósito egoísta. 
Sim, ele respeita e ama nossa singularidade mas o propósito é para o coletivo. 
Foi assim com Abraão, chamado para alargar as fronteiras, "sair de sua parentela" mas levando sua esposa (família-base), e o resultado da promessa: ser Pai de nações. 
Foi assim com Noé, que teve uma palavra de Deus e construiu a arca para ele e sua família. 
Foi assim com José (do Egito), levantado pra governar PARA servir um povo, inclusive sua família. Foi assim com Maria, escolhida para gerar Jesus PARA servir-nos. 
Foi assim com Jesus! Sim, com Deus que se fez homem PARA salvar a humanidade. 

Sempre, sempre, sempre será assim. Nossos dons, nossos propósitos, nossos sonhos são presentes pra nós e, claro, para servir outros. 
Jamais pense que Deus daria um propósito de forma egoísta, para alimentar seu ego ou qualquer coisa mesquinha assim. 
Deus é grande, Ele pensa grande. Os pensamentos Dele são muito mais altos que os nossos. 
Sim, corra atrás de seus sonhos, e quando alcançá-los, sirva as pessoas. 

Beijos 
Com Amor...