Dupla Delícia.

Dupla Delícia.

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Guarde a fé.

Às vezes acontecem coisas inimagináveis que fogem de nossa compreensão limitada. 
Parece que nada acontece. 
Calma. Apenas parece. 
Lembre-se : "as aparências enganam". 
Você plantou, regou (fez sua parte, sua escolha em Deus) e parece que nada acontece. Mas "o crescimento vem de Deus". É no tempo Dele. 
Em nosso mundo, sucesso tem a ver com colheita, tem a ver com coisas visíveis. 
Sim, frutos são bem-vindos, mas na visão de Deus a colheita pode ser apenas uma demonstração de algo. 
 Paulo - aquele da Bíblia, autor de boa parte dos livros do Novo Testamento - passou muitas coisas que aos olhos humanos eram "vergonha"
Mas sabe qual era o VERDADEIRO MILAGRE acontecendo em Paulo? A colheita, o milagre era a reação dele diante das circunstâncias. Os olhos dele não saíam de Cristo. 
Ele foi apedrejado, mas logo se levantou e continuou seu propósito. 
Ele foi preso, e dentro da cadeia, libertou a todos (libertou espiritualmente). 
Tudo acontecia. Paulo tinha suas lutas, suas guerras internas assim como você e eu, mas ele permanecia firme no propósito. E onde ele ia Cristo era revelado através da vida dele. 

Quer um exemplo do Mestre? Jesus, no meio da tempestade, dormiu. 
E aqui não estou exaltando a "passividade". Entenda. 
O "dormir" aqui não quer dizer passividade, quer dizer confiança no propósito do Pai. 
Estou dizendo que, se temos escolhido a BOA parte, se temos Deus na direção de nossas escolhas, descansemos. 

Independente do que estejamos passando, mesmo que a "colheita" pareça não chegar, guardemos nossa postura de Fé. E com essa Fé em Deus, erga os olhos e veja "os campos já branquejam". 

Escolher ser "vaso de honra" nas mãos do Oleiro requer alguns ajustes, e um deles é "em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco." (1 Tessalonicenses 5:18)
Ele continua sendo Deus. Ele continua sendo BOM. Ele continua sendo Amor. 
Posso lhe afirmar "eu sei em quem tenho crido". (2 Timóteo 1:12)

Nenhum comentário:

Postar um comentário