Dupla Delícia.

Dupla Delícia.

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Cadê o humor? Por uma vida leve.

Perderam o senso de humor. Que horror!
Pra cada espaço entre as palavras dão um jeito de acrescentar uma vírgula.
Acho que é por isso que estamos na "era da hashtag", porque a gente ‪#‎escreveTudoJuntoeNinguémPodeAcrescentarMais‬!
Qualquer piada é preconceito.
Qualquer feito é mal feito.
Será que se julgam perfeitos?
Opiniões divergentes? É praticamente proibido (não pelo discurso, óbvio! O discurso é bonitoooo, a prática que é insana).
Um jornal publica uma foto incrível do entardecer e, ao invés de admirarem, as pessoas vão lá e falam "MAS a cidade...".
Que povo cheio de "mas, poréns"! Perderam a admiração! E perder a admiração é lamentável, é um passo para a infelicidade, para a depressão, pra viver 'de-pressão'. ‪#‎QueDeusNãoMeDeixePerderANoção‬!

Se elogia o corpo de alguém, dizem que é preconceito com as gordinhas. Aliás, falar "gordinha" é tido como preconceito. Não se pode dizer mais nada. Vivem submersos em tanta mentira que dizer a verdade virou crime. (entenda!)
Se alguém elogia o sorriso, é preconceito com quem não tem dente.
Se fala a verdade, é preconceito com quem mente.
Que mente doente é essa? A maioria está tão cheia de si (de opiniões) que não "se cabe" mais e transborda com altas doses de revolta.
Gente, cadê o humor? Será que ele volta?
Que mundo chato. Perderam o tato, o contato. Contato uns com os outros e consigo.
Parece contraditório isso, mas quem está cheio de si demais não se enxerga. Afinal, quem tem consciência de si não se sustenta em afirmações alheias.
Claro, respeito é bom e todo mundo gosta. Mas não confunda as coisas.
 Vamos viver leves! E pra isso precisamos nos esvaziar.

Obrigada. De nada. ‪
#‎SereiEternamenteGrataSeNãoAcrescentaremCoisasNADAaVerAoQueEUacabeiDeDizer‬.

terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Aqueles olhos!


Aquele olhar que busca o que não estou falando, que desnuda minha alma mas mesmo assim, às vezes, fica sem entender. E por não entender tenta deduzir. Às vezes acerta, outras não. Mas e daí? Apenas o desejo por entender já é bom o bastante!
Quando acerta me alegra e quando erra me encanta, mesmo que me "irrite" um pouco uma vez ou outra. Porque gosto da força e da fraqueza, gosto dessa nossa "humanidade". Gosto de vê-lo sem defesas, com as armas da "perfeição" no chão. Porque essa fragilidade nos aproxima. E eu? Ah, eu gosto de estar perto.
Aquele olhar que tenta decifrar, que enxerga além, bem além...
Aquele olhar que vê! Isso é tão raro!
E enxerga porque não há cortinas sobre aquelas 'janelas', e por não haver cortinas, é um olhar que se mostra também, fala.
Um olhar que, muitas vezes, o trai e me atrai.
Um olhar que, muitas vezes, não acompanha o que a boca diz. Porque sua boca, às vezes, é dura, mas o olhar é doce. E a doçura....Ahhh, a doçura toca meu coração.

Mas por serem olhos que não mentem, se esquiva do contato visual, se esvai, se vai...
Se foi.
Mas quero que saiba que quando escrevi "cuide de você"- e deixei o bilhetinho no meio de suas roupas- eu queria ter dito isso olhando pra você.
Mas não podia, não dava, pois havia UM primeiro bilhete, uma primeira parte que não foi exposta mas que meu olhar me denunciaria.
Pois é, eu tinha feito um "quebra-cabeça". Aquele (que você viu) era o apenas o final. A primeira parte eu, covardemente, joguei fora.
E mesmo sem papel nenhum, se eu te falasse apenas aquele bilhete que leu, você leria a primeira parte dentro dos meus olhos : "permita que eu...". 
E como seu olhar mergulha e ao mesmo tempo evita, engoli a primeira parte (a que era tarefa minha) e passei o resto dos dias engasgada, buscando fôlego cada vez que a gente conversava.
O meu olhar que você tentava decifrar só dizia : "permita que eu cuide de você".


Lembrete.

Lembre-se: se não formos em frente com Deus, estaremos regredindo.
Só se caminha pra frente quando se olha pro Alto.
Qualquer "avanço" que esteja firmado apenas em nós mesmos pode desmoronar a qualquer momento. Se crescemos sem raízes eternas o crescimento se torna pura vaidade.
Como diz C.S.Lewis : "tudo que não é eterno, é eternamente inútil." 
E como diz Marcos (no capítulo 8): " do que adianta ganhar o mundo inteiro e perder sua alma?"
Que possamos avançar sempre mas com raízes em Deus, com os olhos em Cristo, com frutos eternos. É pra frente que se anda, mas é pro Alto que se olha.
E, às vezes, andar pra frente é se prostrar e esperar, ou até mesmo voltar (se em algo momento pegamos a rota errada).
Não há regra, tudo depende do que Deus falou com VOCÊ. Por isso, a importância de O conhecermos e termos um relacionamento com Jesus.

Beijos
Com Amor...

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Não confunda!

Três coisas que não podemos confundir: misticismo, religião e relacionamento com Deus.
1- Misticismo: quando você decide acreditar que COISAS têm poder.
2- Religião: quando você decide acreditar que o homem tem poder (entenda!), assim sendo, pode chegar a Deus por esforço próprio, por mérito. E também, é quando você acha que SABER de uma "filosofia de vida" ajuda alguma coisa.
3- Relacionamento com Deus: é o mais simples e o ÚNICO que nos transforma e nos completa. É quando você se rende, abre mão de suas opiniões e decide conhecer Jesus Cristo. Porque ELE não é um "amuleto", não é uma religião, é uma pessoa. E qualquer um que tente "vendê-Lo" é anátema!

Então, se sua vida não tem sido transformada, se seu caráter não tem sido aperfeiçoado, se não está mais parecido com Jesus a cada dia; se do seu interior não tem fluído da Água VIVA...OBSERVE-SE, você pode ter feito de Deus uma religião ou apenas um ritual místico.
Disse Jesus: "Quem crer em Mim, como diz a Escritura, do seu interior fluirão rios de água viva". _João 7:38
Se estamos secos, voltemos onde caímos, onde nos perdemos.
Não compliquemos. É simples. É relacionamento, é troca de intimidade, conversa, bate papo, conhecimento de um sobre o outro.
E assim como na vida natural nos tornamos parecidos com quem andamos, assim é na vida espiritual também. E relacionamento com Jesus implica, muitas vezes, em "Cruz" (negar sua carne, sua vontade que pode resultar em "morte"). Mas, sinceramente, confiar Nele é bem melhor! Ele é uma pessoa mas também é Deus. E um Deus que nos ama! Você não confia em alguém PERFEITO que te ama absurdamente?!
Não negligencie seu espírito, vivifique-O (crendo em Jesus). É a nossa parte mais importante! É nosso espírito submetido ao guiar do Espírito Santo que deve nos direcionar.

Beijos
Com Amor...

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

No game.

Eu não costumo ser uma pessoa "reativa" e, normalmente, as pessoas estranham isso.
Mas eu não vou agir com indiferença e frieza só porque alguém age assim comigo.
Continuo agindo em amor. Aquele é ele, essa sou eu. Óbvio, não?
Aí tem uns que dizem "é o jogo da vida".
Ok. No jogo da vida, eu já dei "game over" há muito tempo! Foi tipo "Fatality. JOGO wins" (quem joga videogame sabe do que estou falando). Já quem não joga (no jogo que propõem) acaba perdendo - na cabeça do povo, porque na minha saio ganhando.
O que quero que enxergue é que ninguém pode determinar como você age.
Às vezes é um desafio e tanto! Há quem diga que oferecer doçura pra quem oferece indiferença é burrice ou falta de amor próprio. Mas eu acredito que cada um oferece o que tem. E, pra mim, falta de amor próprio seria eu me violar só pra me "vingar", pra reagir, pra destratar alguém. Eu estaria ferindo não só a mim como o Espírito Santo que habita em mim, que diz "se o seu inimigo tiver fome, dê-lhe de comer". E olha que nem estou falando de inimigos!

Obs: claro, não estou falando de casos extremos onde um fulano agride o outro e a pessoa vai ficar lá ouvindo, sendo machucado... Tudo é posicionamento! Mas posicione-se sempre em amor e levando em conta o amor próprio, não se violar, não se ferir, não se permitir ser ferido.

Beijos
Com Amor..

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Eis que se fará nova todas as coisas.

Todo final de ano é a mesma coisa, né?!
A gente faz aquela retrospectiva, lamenta pelas coisas que programamos fazer mas não fizemos e refazemos a promessa para o próximo ano.
Prometemos nunca mais sermos trouxas, nunca mais sermos enganadas (pra quem foi). Prometemos agir diferente.
Mas sabe, só agiremos diferente se rompermos com a pessoa que sempre fomos. Como assim? Ora, nossas ações fazem parte de nós. Só vamos agir de forma diferente se nos permitirmos mudar, crescer, avançar. E pra isso temos que abandonar o que passou, o velho homem...eu diria até "a velha natureza".
Deus tem novidade de vida para nós e isso está dentro da nova natureza, a natureza que nasce Dele (que é o que acontece quando temos intimidade com Jesus).
Mudar por mudar? Se for pra mudar que seja para melhor, pra mais perto da Vontade de Deus, pois é a única mudança que vale a pena!
Qualquer mudança que nos afaste do Deus Vivo nos levará à morte (espiritual).
Nenhuma revolta com quem quer que seja justifica mudanças 'para pior'.
Como eu tenho visto pessoas revoltadas que, pra justificarem suas escolhas, acusam "o outro" de qualquer coisa, de hipócrita, de extremista, de egoísta... Aí se tornam exatamente como aqueles que eles "acusam" de serem os responsáveis por suas revoltas.
Não permita que a semente da rebeldia cresça dentro de você.
Sim, desejo que seu próximo ano seja incrível e que você mude (no sentido de CRESCER e não retroceder). Mas vamos romper com o que passou, com as dores, com os traumas....Pra quê carregar isso? Sei que não é fácil PERDOAR (e não simplesmente esquecer) algumas atitudes, mas decida.
Se sua vida é direcionada pelo Pai, CONFIE Nele. Ele fará tudo novo, colocará um caminho no nosso deserto... Esvazie-se para que seja cheio Dele.

Assim diz o Senhor: "Não vos lembreis das coisas passadas, nem considereis as antigas. Eis que faço uma coisa nova, agora sairá à luz; porventura não a percebeis? Eis que porei um caminho no deserto, e rios no ermo."_ Isaías 43:18,19

Beijos
Com Amor...
<3 p="">

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

QUERIDO PAPAI NOEL,


Não é nada pessoal, mas acho que a gente nunca se deu muito bem, né?!
Foi mal. Mas é que minha sensibilidade exacerbada não me permitia ver graça em você enquanto havia para um menino meio "revoltado" por perto e ele sabia que não receberia nenhum presente devido ao mau comportamento.
[As pessoas diziam que "tinha que ser bom menino" pra ganhar presente do "papai Noel".]
Eu sempre fui menina quieta (meus irmãos e eu) e tinha Natal que não tinha presente. E sabe o que é mais engraçado? Pra mim, não fazia diferença. De verdade!
Claro, quem não gosta de ganhar presente? Mas eu já era tão satisfeita por dentro. Não, não me basto. Estou longe disso. Mas é que a graça que eu não via em você, eu encontrei em Jesus. E a graça Dele me basta e sabe por que? Porque "o Seu poder se aperfeiçoa na minha fraqueza".
Aí, mesmo que eu não ganhasse presente (físico) algum, eu me sentia amada. Porque essa é a verdadeira Graça.
Olha, eu nunca quis ofendê-lo. Acho legal você querer dar presentes para os que merecem. Mas e você, merece? Afinal de contas, quem merece? Não somos todos carentes de perdão e graça? Não somos todos falhos?! E o menino "revoltado" que você negou um presente? Não seria justamente ele quem precisaria de mais amor?
Esse saco cheio de presentes que você carrega, esvazia. E aí, o que fazer? O cara em quem ME encontrei, o cara quem me fez conhecer a Graça e o verdadeiro Amor... Sabe, o cara que te falei?! Pois é, "as misericórdias Dele se renovam a cada manhã". Portanto, junte-se a mim. Vamos entregar presentes reais, que deixam as pessoas felizes mesmo quando estão passando por momentos tristes! Sua iniciativa foi válida. Acredito que sua intenção era ajudar, mas permita-me TE ajudar!
Você não consegue carregar o peso do mundo. Eu sei porque eu também já tentei. Mas além de não conseguirmos, não precisamos, pois isso já foi feito.
Jesus, o Cristo - o cara que é o motivo do natal - fez isso por nós. Aceite esse amor de bom grado, é de graça, é pela Graça.
Se você for um bom menino ou um mau menino, tanto faz para Ele, o Amor Dele por você não muda. Mas como ELE é perfeito e também é Deus, quer ver-nos em nossa melhor forma, usando nosso potencial ao máximo...
Esse ano, papai noel, largue esse saco de brinquedos, estacione esse seu "carrinho" porque o Papai do Céu é Rei e ELE virá com toda sua majestade.

Beijos, com muito amor
De sua, agora irmã, Renata.

Obs: meu nome explica bem o que Ele me fez. Meu nome significa RENASCIDA.

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Às vezes o fôlego foge pra nos salvar.

Eles estavam se conhecendo. Havia uma curiosidade pairando.
Um querendo saber do outro.
Ele se mostrava diferente de tudo que ela já tinha conhecido, parecia um terreno nunca pisado.
Clara ouvia mais do que falava. E quando pensava em falar, puxava o fôlego mas parava antes que qualquer letra saísse de sua boca.
Atento como ele é, cada vez que ela puxava a respiração para falar, ele percebia e olhava, esperando um mínimo de coragem dela pra expressar-se.
Os dias foram passando e ela ainda se calava diante dos impulsos do pensamento.
-Pode falar.
-Quem disse que quero falar?
-Você respirou pra isso...
Eles riam da situação. Mas era mais forte que Clara. Parece até que ela previa...

-Fale, Clara. _ele disse com uma voz agradável e um sorriso no rosto.
-Eu tenho medo. 
-Medo? De quê?
-Medo de você me julgar, me destratar, ser grosseiro, sei lá... Eu conheço minha sensibilidade irritante._ela disse com leveza e apreensão.
-Nossa, você está mal acostumada...
-Pelo contrário, sou bem acostumada demais, e justamente por isso qualquer intenção de frieza me dói.
-Eu não vou fazer isso com você
-Eu não sei quando vou te ver de novo, eu não tenho essa segurança pra me abrir.
-Eu não vou sumir. Pode confiar em mim.

Clara confiou, abaixou as defesas, expôs a alma e, claro, se encantou com a fluidez com que tudo acontecia.
Um dia ele sumiu, do nada. Pegou toda intimidade que Clara o deu e abandonou pelo caminho, sem nenhum cuidado.
Do dia para a noite tratou-a como uma "passante" da rua, com formalidade, frieza e distância.
No outro dia, mais distância...até que Clara o perdeu de vista. Sumiu exatamente como prometera que não faria.

Como era apegada às palavras, de vez em quando, ela ainda deságua quando a tal frase ecoa em sua memória: "eu não vou fazer isso com você. Não vou sumir. Pode confiar em mim".

Ela não devia ter interrompido a respiração, era seu fôlego que fugia pois já previa tal decepção.

O que vou ser quando crescer?


-O que você quer ser quando crescer?!
- O Sol._ respondi pensando que essa era a forma mais óbvia de aquecer corações. 
- O Sol? Por que?!
- Porque é uma forma de amar sem que as pessoas se assustem com o amor. 

Mas eu não sabia que sempre há aqueles que preferem a sombra.
Eu era ingênua. Era?! Cresci?!

Liz não queira ser diferente apenas, queria fazer a diferença na vida das pessoas!

domingo, 6 de dezembro de 2015

Não justifique, cresça.




Se quisermos, sempre encontraremos "explicações" para nossas falhas.
Inventar teorias (até "fundamentadas") para nos "absolver" é só mais uma maquiagem na alma e espírito. E maquiagem, vocês sabem, é só um disfarce, não é a realidade.
Tenho inúmeras explicações para meus erros, mas nenhuma delas justifica. Por que? Porque eu sempre VOU PODER ESCOLHER.
A grande questão é: só mudamos se pararmos de "justificar", assumirmos o erro, a falha, o pecado. Exemplificando: quando a mulher samaritana se deparou com Jesus e Ele lhe disse a Verdade, ela não ficou justificando, ela simplesmente se rendeu, OLHOU PARA JESUS e abandonou a vida que ela levava. (essa história está em João 4 )
É preciso olharmos para ELE ao invés de ficarmos ensimesmados.

É, amadurecer é um desafio e tanto! Mas só voamos quando crescemos. E essa é a verdadeira liberdade, a liberdade que existe na maturidade!
Quando não há maturidade nossas justificativas não passam de "birra de menino mimado".

Que tal voarmos?

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Porque o coração deve ter acesso restrito, mas jamais proibido.




Dos lugares que avistei, o melhor foi seu coração. Porque seu coração é "mata virgem", praia inabitada, ilha deserta. Há cantos desconhecidos, há doçura escondida, há romantismo disfarçado, há bondade na raiz, há singularidade, segredos... Mas como toda "mata virgem" há um desejo e um medo de ser descoberto, há 'selvageria', há cautela excessiva no olhar, há contradições. E também como toda praia inabitada é de difícil acesso, mas sempre vale à pena. Eu sei que vale. Eu não gastaria meu tempo pra chegar num lugar sem vida. Porque, entenda a diferença, praia inabitada não significa que seja inabitável; é apenas um paraíso restrito, muito restrito.
Talvez eu veja poesia demais em rochas, talvez eu viaje demais por dentro.
Sim, essa é uma possibilidade. Mas talvez meu olhar esteja certo. E eu prefiro te enxergar com o filtro da bondade e amor do que olhar para essa "mata virgem" e achar que é tudo escuro e desconhecido.
Um coração assim, feito ilha deserta, não me assusta, me desperta.  Talvez porque quando eu falo de você, também falo de mim; quando olho pra você, também olho pra mim.
Dos lugares que você me levou, o melhor foi entre os seus braços.
Das viagens que fiz, a melhor foi quando eu estava deitada em seu peito.
Das coisas que você falou, a melhor foi : "vem mais pra perto".
De tudo o que você fez, a melhor parte foi quando você estava sem defesas, foi você sendo você.
Porque o que me encanta não é sua "utilidade"- entenda, admiro tudo o que faz- mas o que me encanta é o que você é.
O que me encanta é eu te fazendo cafuné de longe e você me puxando pra me deitar ao seu lado, agindo com naturalidade, naturalidade de quem quer estar junto. E mais junto.
Eu sei que seu coração tem acesso restrito, eu entendo bem disso, também sou assim. Mas cuide para que seja apenas restrito e não proibido.

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Buscai-O agora.

"Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto. Deixe o perverso o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se converta ao Senhor, que se compadecerá dele; volte-se para o nosso Deus, porque rico é em perdoar. Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o Senhor. Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos." 
_ Isaías 55:6-9

Engraçado que a segunda parte do versículo é bem conhecida, muita gente diz que os pensamentos de Deus são mais altos e tal. Mas antes ELE nos diz para deixarmos o nosso caminho, para então seguir o Dele.
Busquemos ao Pai hoje. Não espere "se consertar", pois se fosse por isso nunca estaríamos aptos para nos achegarmos diante de Deus.
Somos imperfeitos, MAS fomos aperfeiçoados em Cristo. Somos injustos, mas justificados em Cristo. Somos sujos (pelo pecado), mas lavados no Sangue. É por causa da Cruz vazia, do sacrifício de Jesus que temos acesso a Deus. Nada do que a gente faça adianta.
Apenas UMA coisa é necessária: ESCOLHER crer em Jesus. E toda crença vem acompanhada de ações condizentes. Porque a fé é prática.
E daí que vc faz isso ou aquilo? E daí que vc não se perdoa? Deus já nos perdoou e quando você entender isso, vai SE perdoar também. E se fazemos coisas que nos incomodam, ou coisas que sabemos que não são "corretas", aí é que precisamos andar com Aquele que é perfeito.

Não quero te desanimar, mas a tendência do mundo é piorar. MAS, "aquele que habita no esconderijo do Altíssimo à sombra do onipotente descansará". Ou seja, o lugar de descanso não é físico, é uma Pessoa (Jesus), e podemos habitar Nele pois ELE habita nos que crêem Nele. Assim, o mundo aqui fora pode desmoronar, o nosso mundo interior é renovado e isso nos mantém de pé.
Cada vez mais precisaremos estar firmes, alicerçados Nele, alimentando diariamente da Palavra, da Presença do Pai.

Beijos Boa noite de alguém que acabou de ser renovada. Porque isso é andar com Deus, quando eu estou fraca, Ele me faz forte!