Dupla Delícia.

Dupla Delícia.

terça-feira, 13 de outubro de 2015

Ser cristã e atriz.

Sempre me perguntam: "como é ser atriz e cristã? "
Ué, da mesma forma que ser qualquer outra coisa! Deus não muda por causa da profissão. O que muda é o julgamento do POVO.
O que me limita não é meu Pai (Deus), o que me causa certa agonia é o olho mau da maioria religiosa que assiste tudo quanto é coisa, mas se a atriz for cristã já julga. Isso que dá confundir RELACIONAMENTO com DEUS com religião! tsc tsc tsc...
Sou FILHA, essa é minha identidade, esse é meu DNA.
O dom vem do Alto, foi ELE quem me deu e colocou arte no lugar de meu sangue.
O grande "problema" de minha profissão é que me expõe mais; supostamente, fico mais sujeita ao julgamento das pessoas. Falei "problema" -entre aspas- porque, na verdade, isso não é problema meu. Busco ser guiada pelo Espírito Santo.
O que assusta as pessoas é que a arte não pode ser engaiolada, não cabe dentro da religião, e esse "não poder padronizar" desperta a ira dos encarcerados. A liberdade desajeita a organização.
Por favor, entenda. Acho que você tem maturidade pra entender o que digo e não ficar buscando entrelinhas.
Minha profissão não limita minha intimidade com o Pai. Mas meu amor por ELE pode limitar com relação a determinados personagens e histórias. Isso, sim, é complicado pra mim, pois meu perfil se encaixa em "determinados" personagens, e o fato de eu não aceitar "algum" me exige viver ainda mais pela Fé; afinal, vivo (financeiramente) do meu trabalho.
Minha bandeira é ELE, e não faria algo que O ofendesse.

Trazendo pra sua realidade... Você que é médico, só atende cristãos? Você só assiste filme cristão? Você que é administrador, a empresa que você trabalha é cristã? Você que é qualquer coisa...
Não é o lugar ou pra quem você trabalha, é quem você é Nele que importa.
Levante a bunda da cadeira e vá ser luz onde você está agora.
É disso que o mundo precisa: sal e luz.
É isso que precisamos ser: expressão do Amor Dele na Terra, e cada um é essa expressão dentro de sua vocação.

=)
Obs: sempre quis falar sobre isso. Tá aí! Beijosssssss

Nenhum comentário:

Postar um comentário