Dupla Delícia.

Dupla Delícia.

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Quando a decepção vem...te deixa leve!


Acho que apenas 30% da dor que sentimos quando nos decepcionamos é referente a pessoa que "a causou".
70% da decepção é com a gente mesmo. É com nossa crença na pessoa, é na construção de um sonho em cima da areia, é decepção com nossa imaginação, com nossa mania de acreditar em tudo e todos.
Nãooo, não estou dizendo que não temos que acreditar! Jamais! Sempre serei defensora de acreditar em pessoas! Mas não construir sonhos em cima delas.
A decepção é por você ter defendido tantas vezes algo indefensável, é por você, com mania de querer ver o lado bom, ter inventado outros lados bons inexistentes!
Aí a decepção vem. Uau! Uau! Uau!!!!!
O que fazer?
Ué, continuar vendo o lado bom. E sim, existe um lado bom até nela!
Você estava lá sonhando e a decepção te joga da cama! Você acorda assustado, às vezes se machuca, mas pelo menos ACORDOU.
E pior é que tem gente que nos fere na classe! Acham que por colocarem um "por favor, obrigado, ..." no meio da frase vai torná-lo gentil! What?!Oh God!
"Por favor, vá pra P....", com coisa que uma palavra torna as coisas gentis ou leves. Aliás, eu já até falei sobre isso anos atrás.
Gentileza e doçura não estão nas palavras, estão nos gestos, no olhar, nas atitudes.
Tem gente que fala "Por favor" com tanta sequidão que a palavra poderia ser substituída por um palavrão que não faria a mínima diferença!
Mas como já sabem, eu posso até expôr as dores, gritá-las, mas meu foco sempre será na reação, no que fazer diante de coisas ruins.,
É preciso SE perdoar, já que 70% da crise é "culpa" sua (minha). E perdoar o outro que despertou a crise com os 30%.
E depois de perdoar-se e perdoá-lo, ter mais cautela, e isso não significa se fechar pro mundo (isso serve pra mim!). Ele é falho assim como você, assim como eu.
Fazer o quê?! Mas não justifica, claro!
É levantar do chão, depois do tombo de cair da cama, vestir sua melhor roupa e sair livre por aí. Porque é isso que a decepção faz. Ela te passa uma rasteira, mas te liberta da ilusão!
(às vezes, esse processo de cair da cama e levantar do chão demora um pouco, mas acontece! E é melhor que você levante rápido!)
E aí, você pode voar de novo, de verdade, sem ser num sonho inventado. É só pular a poça d'água e prosseguir. Porque é isso que as coisas ruins são: poças d'água no meio do caminho.
No fundo, no fundo, há beleza e grandeza em todas as coisas.
Porque... "Deus faz com que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que O amam".



Um comentário:

  1. Adorei ler isso agora a noite! Ainda me encontro na cama porem mais leve, sem ilusões, aceitando a realidade. Me sinto mais leve de fato.

    ResponderExcluir