Dupla Delícia.

Dupla Delícia.

terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Novo ano!



Mais um ano chegou. Quanta coisa já vivi, quantos anos me foram presenteados.
Quanta coisa para agradecer. Algumas para se arrepender(sim, não é errado se arrepender. Aliás, é digno), mas nenhuma para esquecer. Com os erros a gente aprende, com os arrependimentos a gente muda, com as conquistas a gente se alegra. Quando caído, a gente olha pra cima. Quando exaltado, a gente tem que se prostrar diante Daquele que é digno de adoração: DEUS.

Mais um ano...
Nesse ano prometo não fazer promessas.
Não prometo fazer isso ou aquilo, não prometo cumprir tudo que não prometi, nem o que prometi insana e inconscientemente.
Nesse ano não quero promessas. Quero feitos, quero vivências, quero um dia de cada vez.
Não quero a rapidez do mundo moderno e tecnológico. Quero PARAR.
Não quero me adaptar aos padrões desse mundo. Quero que o mundo de Deus invada o meu mundo, e que meu mundo transforme esse.
Não quero fazer, fazer e fazer. Fazer academia, fazer curso de não sei o quê, ...
FAZER não me enche os olhos, nem a cabeça. muito menos o coração.
Desejo apenas SER.
Ser com toda intensidade que estava guardada.
Ser com honra, com autenticidade, com VERDADE, com princípios.
Porque quando a gente é, os frutos do FAZER são consequências.

E espero o mesmo pra você. Que mude o seu SER, que se aperfeiçoe, melhore, cresça.
Ninguém precisa que você seja mal humorado, grosso, amargo. Muito menos você precisa disso.
Que seja DOCE, BOM, AMÁVEL, HONESTO e jamais tenha vergonha disso.
Bem vindo 2013! Que eu seja uma pessoa melhor pra esse mundo!


Nenhum comentário:

Postar um comentário