Dupla Delícia.

Dupla Delícia.

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Eu sempre soube que você existia...



-Eu te conheço! Eu sei que te conheço de algum lugar. Mas de onde?

-De algum lugar de meu futuro. Só não me lembro como...

-Como...o quê?

-Talvez assim. (e ele pegou na mão dela)
Ela o olhou com olhos de certeza, de que era isso!

-Sim, assim, mas foi assim porque já estava escrito em algum lugar da eternidade! [...]Mas por que demorou tanto?

-Não demorei, não demoramos tanto. Talvez tenhamos nos atrasado um pouco por sermos cheios de vontades e "achismos"...

-Talvez você tenha lutado contra a sinopse por ser um tanto desafiadora...Às vezes nem houve atraso, foi apenas o nosso tempo de preparo... Mas, que bom que se rendeu! Que bom que me rendi...Eu sempre te esperei.

-E eu sempre acreditei que me esperava.

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Informações mal dadas!



Nãoooo, o mundo não é tão ruím quanto pintam!
O ser humano é que, muitas vezes, tem sede de desgraça.
Nós, é que muitas vezes, o tornamos sombrio.
Gostam é de notícias que minam nossa fé.
Se os jornais colocam manchetes acolhedoras não tem a mesma vendagem.
Se noticiam morte, corrupção, desastres...há um batalhão disposto a comprar!
E eu me pergunto, comprar ou ler esse tipo de coisa vai me acrescentar alguma coisa? Vai é me roubar! Vai me roubar paz, tranquilidade, esperança...
Não sou contra jornais, sou apenas a favor de que pensemos mais um pouco antes de "beber" alguma informação.
Será que existe alguma identificação íntima e inconsciente com esse tipo de coisa? Com notícias ruíns?
Se existe, o que acredito ser possível, é porque o Espírito de Deus ainda não habita na pessoa.
Falar que acredita em Deus...todo mundo fala, mas e aí? E na prática, acredita mesmo? Quem governa sua vida?
Eu sei, é uma luta pra deixá-LO governar e mesmo 'sabendo' que ELE é Deus, sendo assim, milhões e milhões de vezes mais apto a cuidar de mim do que eu mesma.

O mundo não é tão cinza quando o pintor, DEUS, tem liberdade em nossas vidas para colorir!
Precisamos noticiar boas coisas.
Precisamos declarar mais amor (quando verdadeiro!).
Precisamos compartilhar mais alegrias, por mais que "A MODA" (ridícula) seja ser frio, falar besteiras e ter um nível de sarcasmo desumano!
Façamos, NÓS, a tendência do que queremos ver e ouvir e receber do mundo!

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Prossigo!


Hoje acordei, mas minha alma continuou deitada.
Me levantei, e minha alma estava lá, prostrada.
Ainda assim continuei.
Minha alma gritava, chorava, sangrava, mas o Espírito de Deus se movia em meio ao caos ( assim como no PRINCÍPIO).
E ELE disse: "HAJA LUZ". E houve LUZ.
Depois de desabafar, discutir com o Criador, me joguei em Seu colo e HOUVE LUZ.
As trevas em que minha alma estava mergulhada foram embora.
"E FEZ DEUS SEPARAÇÃO ENTRE A LUZ E AS TREVAS."
Minhas lágrimas foram enxugadas. As perguntas? Algumas foram respondidas, outras...ainda precisam esperar a hora certa. Talvez o sétimo dia?
Pensando bem, estou no sétimo dia, hoje é sábado, TODO DIA É SÁBADO PRA QUEM DECIDE CONFIAR NO PAI E DESCANSAR (mesmo sem entender ou ter as respostas que queremos. Não cabe a nós. Deus tem o Seu jeito, os Seus caminhos, o Seu tempo...)
Minha alma está prostrada, cansada....Mas meu espírito está de pé.
E é por isso que prossigo!

Sabe o que me irrita?

Sabe o que mais me irrita em mim???
Eu.
Esse EU que insiste em acreditar nas pessoas, que se recusa a ver a "canalhice" de alguns, ....
Esse EU que luta contra o óbvio, e defende o indefensável...
Essa inocência que beira a burrice!
Esse EU que é forte pra tanta coisa, mas fraca, tão fraca pra coisas banais, pra sentimentos...
Esse EU que, de vez em quando, se isola pra se proteger, mas que não adianta merda nenhuma!
O que me irrita é exatamente o EU que é minha essência, e sendo assim, não muda.
Fico irritada com minha falta de sabedoria ao expôr minha essência à tanta gente que nem gente é.
Mas se foi Deus quem me fez assim...ELE que me proteja e me dê sabedoria pra fazer o melhor com o que resta de mim.

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

O Pequeno Príncipe e a Raposa



"O trigo tem a cor do ouro como seus cabelos, então será maravilhoso qd tiver me cativado, pois o trigo que é dourado me fará lembrar de vc"

"se vc viesse a qq momento eu não teria como preparar meu coração..."

"TU TE TORNAS ETERNAMENTE RESPONSÁVEL POR AQUILO QUE CATIVAS"

"Somente com o coração se consegue ver com clareza, O ESSENCIAL É INVISÍVEL AOS OLHOS."

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Por isso, só por isso.



Eu amo porque é o que sai de mim, porque é o que recebi, é o que aprendi, porque é o que eu sei fazer.
"Porque ELE nos amou primeiro"
Não me julgue nem me recrimine por isso. Tem tanta gente que faz coisas ruins e é aceita.
Não peço que me ames, apenas que me deixe amar.
Pois é assim que vivo (de amar). Então, me deixe viver!

domingo, 16 de janeiro de 2011

Eu só não quero cair! Só isso!

Sabe o que é?
O degrau em que me encontro é um pouco alto, e cheguei aqui somando muitos acontecimentos, amando algumas pessoas, acrescentando sempre!
Então,se você me pede pra te esquecer, ou pra esquecer alguém que faz parte de minha vida, eu caio, tudo desmorona! Porque minha vida não é feita de cenas divididas, existe sempre uma mão segurando a outra, existe sempre o contato, o toque.
Não é que eu seja apaixonada por fulano ou beltrano ainda. É só que eu não sei tratar pessoas como folhas de papel, não sei simplesmente arrancá-las de meu caderno e jogá-las fora.
No dia em que ensinaram a ser indiferente, eu faltei a aula!(deu nisso: eu!)
Eu não sei "desamar", "desgostar" de alguém. Isso soa como mentira pra mim, soa como se o que vivi ou a tal pessoa fosse falsa e/ou mentirosa. E eu,...eu prefiro acreditar que foram importantes e dignas de nossa história.
Por isso, não pense que sou apaixonada até hoje por fulano ou beltrano.
É só meu jeito de valorizar quem é importante pra mim.
Eu falo com carinho com as pessoas que tenho carinho. Porque eu não "estou" com carinho por alguém, eu TENHO, ME pertence...não é temporário.
Entende?
Por que é tão complicado entender que cada um tem a sua devida importância?
Não digo que mantenho todas as pessoas (no caso de "paixões") na mesma prateleira. Apenas na mesma estante.
Mas algumas são guardadas com muito carinho na prateleira de passado. E um, apenas UM, na prateleira de PRESENTE.

sábado, 15 de janeiro de 2011

...porque tem dias que a saudade não bate, ela ENTRA.

A história continua...



Bom dia!
Bom dia???
Meu 'bom dia' está sem resposta.
Seu lugar na mesa está vazio.
Seu iogurte na geladeira já venceu.
A comida demora mais pra acabar...
O sorvete já não tem seu corpo pra gelar.
O guardanapo que você repartiu comigo e usou, continua em cima da pia.
A cama agigantou e meus pés já não esquentam mais!
Meu abraço está pela metade.
Meu banho está sem graça.
A corda do violão arrebentou, e ele tem juntado poeira.
Mando beijos no ar e eles caem no chão.
Minhas risadas têm fim.
Minhas palavras ecoam.
O Sol está frio.
O dia está vazio.
A noite...escura demais.
A Lua já nem se mostra!

MAS a 'Frô' que me deu não murchou: "PRA SEMPRE A FRÔ DO TEU VIVER".
Você continua pulsando em mim.
Minha mão AINDA está estendida.
Em meus olhos ainda está VOCÊ.
Seu gosto continua sendo o melhor de meu paladar!
Não é porque você colocou um ponto, que significa que a história acabou. Foi só uma frase, a história continua.

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Só um bate-papo...

Infelizmente, queremos o amor, mas temos vergonha de expressá-lo e assumi-lo.
Tudo errado. Tudo errado!
Dizer que gosta ou homenagear, ou de tão feliz querer gritar ao mundo...é crime???
Crime é banalizar a vida, o sentimento...Colocar tudo dentro dos parênteses.
Crime é ter o dinheiro como Senhor...é não entender o "carpe diem".

Um amigo indignado (ironizando) disse que não é bom que deixemos rastros de amor (mensagens, scraps, post...sei lá).
Eu acho realmente incrível isso! Pra falar besteira, pra abrir a boca e transmitir morte, pornografia, trabalho, dinheiro...pra falar disso podemos expor, podemos mostrar ao mundo, mas pra falar de vida, de coisas que realmente importam, pra falar de coisas eternas, e de Deus...temos vergonha! É isso mesmo????Nãoo, não pode ser!
E por que não deixar rastros de sentimentos tão nobres? Devemos apagar é o desamor, o rancor, o orgulho, a falta de verdade...
Vergonha por ter um dia amado??? Vergonha é não amar!

E por falar em não amar e tal...Sempre penso muito em como funciona a alma humana e vejo que, às vezes, até sabemos amar, MAS não sabemos ser amados.
Não sabemos receber aquele amor que não cobra, que acolhe...aquele amor saudável nos assusta!Muitas vezes, no inconsciente achamos que é muito pra nós, não merecemos,...É muito "não" que guardamos no peito. Creio que é hora de jogá-los fora!
E aceitarmos, simples assim, o amor cru.

Eu, sinceramente, quero aprender a cada dia a amar e ser amada.


obs: sei que falo muito de amor, mas é que tudo esbarra no amor, tudo esbarra em Deus...e é do que meu coração se enche.

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Eu escolho a Verdade.

O que precisamos entender é que há uma grande diferença entre Fato e Verdade.
Fato é aquilo que seus sentidos te mostram.
Verdade é o que Deus diz.
A Verdade não nega os fatos, porém com a Fé tem o poder de transformá-los.

Tem horas na vida que a gente tem que decidir entre CRER e sentir....Tem horas que você não vai sentir nada, mas fique com sua Fé.
Não permita que as emoções destruam sua fé.
É a Fé que vai trazer o milagre de Deus pra sua vida e não suas emoções.
Guarde sua Fé.

Você escolhe os fatos ou a Verdade?

Meus dias de 2010.


Coisas postadas no Face. Tem de tudo: coração, razão, política, futebol...Essa mistura toda aí sou eu!

*Vc sabe de uma coisa? Não importa o que vc faça...alguém não vai gostar! Por isso, tire os olhos das outras pessoas e confie na sua singularidade e faça aquilo que Deus mandou fazer! Confie no que ELE diz.

*Às vezes gostamos tanto de uma página do livro que nos apegamos, nos fixamos nela. Mas para continuar é preciso virar a página. E como é bommmm quando isso acontece! As páginas passadas continuarão ali no livro mas....Prossigo minha leitura.


*E na segunda tentativa do Mar...Entrei na água para me refrescar, eu estava na Praia do Recreio. Veio uma onda sem educação e abusada. Fechei os olhos. Quando abri, eu estava numa praia de nudismo. =O E assim foi o Domingo. Descoberto e descobertas.

*Por isso coragem é tão curioso. Deve-se sempre fazer o q dizem pra fazer? Às vezes nem se sabe por que se faz algo. Quer dizer, qq idiota pode ter coragem. Mas HONRA é o motivo pra se fazer ou não alguma coisa. É quem você É e talvez quem vc quer ser. Deve-se esperar pela Coragem e tentar pela Honra. E orar para que aqueles que te dizem o que fazer tenham também.

*Palavras até me conquistam temporariamente, mas são as atitudes q me ganham ou me perdem pra sempre. ♥

*E eu aqui....torcendo para que venha uma ventania e vire a página.(já que EU não tenho coragem).

*É importante se achar para depois achar o outro. ;)

*GENTEEE, JÁ VOU AVISANDO: NA MINHA PÁGINA DO FACE EU POSTO O QUE GOSTO OU ACREDITO OU O QUE ACHO QUE DEVE SER COMPARTILHADO. QUEM NÃO GOSTAR...É SÓ NÃO CLICAR NO VÍDEO (NÃO É TÃO DIFÍCIL. É?). NA PÁGINA DE VOCÊS, VCS POSTEM O QUE VCS QUISEREM OU GOSTAREM. É ASSIM QUE FUNCIONA A LIBERDADE DE EXPRESSÃO. DA MESMA FORMA QUE SE EU NÃO GOSTAR DE ALGUM COMENTÁRIO, ELE SERÁ EXCLUÍDO AUTOMATICAMENTE.

*Fulgás? Acho estúpido.

*Cada estação de nossa vida tem CRISES,DESAFIOS E PROMESSAS.Enfrente as crises,aceite os desafios e receba as promessas!Assim há crescimento!

*Boa tardeeeeeeeeeee! "Se algum de vocês tem falta de sabedoria, peça-a à Deus, que à todos dá livremente, de boa vontade; e lhe será concedida." Tiago 1:5 Eu vivo pedindo! =)

*O caminhar, você sabe, se faz caminhando.

"Até agora nas eleições: Dilma perdeu. Jose Serra_ ainda não ganhou. MARINA SILVA arrebentou a boca do balão."_ Conclusão do Huck.

*Eu- Madu, eu te amo do tamanho do Céu! Ela- Eu te amo do tamanho do universo! Eu- E eu...do tamanho do infinito! Ela- Eu te amo do tamanho da Fé. (se for do tamanho da Fé dela, que é uma criança, é mtooo amor!)

*"Quando uma mulher que tem muito para falar não diz nada, o silêncio é esclarecedor."

*Operação do Bope na Vila Cruzeiro no Rio foi um sucesso!Agora, gostaria de saber qdo o Bope vai fazer essa operação no Congresso! _Marcela Junqueira.

*Fico tocada com a situação do Rio, MAS querido usuário de drogas (seja ela qual for) VOCÊ TB É RESPONSÁVEL POR ISSO. #pensebem.

*Meu Deus!!! Eu estou com um sono absurdoooo desde a hora em que acordei!

*Bom, vou me deitar pq a cólica voltou, o frio me pegou, o sono chegou e meu pensamento 'aqui' ficou.

*Atualmente todo mundo vê tudo quanto é manchete, se informa e sabe falar de todos os assuntos (com certa mediocridade). Mas poucos, pouquíssimos, sabem olhar pra dentro de si, tentar se entender e se expôr (quando necessário). Olhar o mundo é fácil. Difícil é olhar o nosso mundo! Porém, o crescimento mesmo só acontece quando vem de dentro, quando vem do 'nosso' mundo.

*Um exemplo de liderança esse último mineiro a ser resgatado.Isso sim é que é líder! Se fosse como muitos que "se dizem" líderes teria usado sua "autoridade" pra ser o primeiro a ser resgatado. Mas ele não. Ele sabe que "maior é o que serve."

*ai meu Deus...eu tenho medo desse Michel Bastos!!! O cara saiu lá do fim do mundo pra vir jogar "merda nenhuma" na seleção! Não tinha um lateral melhor, então???

*Alguns [chefes] são considerados grandes porque lhes mediram também o pedestal. (Séneca). Por isso, fiquemos atentos. Somos grandes quando o somos por dentro.

*Pra quê inventaram o telefone, hein? Tem horas que ele me irrita! Quem disse que quero ser achada? Não tô perdida!

*Normalmente a Lua me inspira, mas ontem ela estava tão incrível que me intimidou.

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

Vou contar um segredo: essa não é a realidade!


Preciso contar uma verdade
É bom que abram os olhos do coração.

Isto não é realmenteeee a realidade, é apenas uma sombra (e muito mal feita!).
Bem vindos ao mundo REAL!
Aqui as ruas são de ouro (e quando tem ruas).
Há música por toda parte, e tudo muitoooo afinado e harmônico!
Ninguém tira o sorriso do peito.
Escuto gargalhadas completas, inteiras.
Continuo escrevendo mas escrevo no ar e ele se encarrega de levar à quem quiser.
Diante de nós as estrelas parecem vagalumes (e podemos pegá-las!)
As borboletas são flores que voam...
Os anjos são apaixonantes! Cuidam de nós.
Ah! Aqui tem Mar, aliás um mar muito falante! Conta cada história!
Continuo caminhando. Tem uma galera dançando!
Dou um pulo na nuvem de cima (sim, elas são feitas de algodão. E algumas até de algodão doce).
O vento passa e me dá um "cheiro".
Há amor em TUDO. E tudo reflete ao Pai.
Outro dia escorreguei na Lua e pulei no colo Dele. Fiquei lá por um bom tempo.
Aliás, tempo é uma coisa que não existe. Mas isso é uma outra história e pouco compreensível para a mente racional, terrena...
"Coisas espirituais se discernem espiritualmente", isso é fato.
E não pense que as coisas são entediantes, muito pelo contrário, há diversão demais!!!
Ninguém aqui quer ser maior que ninguém, pois não é necessário, não é cabível.
Há apenas Um Rei e Senhor: Cristo Ressurreto!
O dinheiro perdeu o posto de senhor, não manda nem manipula mais ninguém. Aliás, ele nem existe por aqui.
A liberdade genuína mora aqui, e não há caos.
É tudo perfeitamente PERFEITO.
Eu sei, sei nossa mente limitada (do mundo irreal) não lida bem com perfeição, mas uma hora a gente aceita!
E ó...aqui tem lugar pra todo mundo! Podem vir e chamar QUEM QUISER. A única coisa que precisamos fazer para entrar é CRÊR.

Depois conto mais. Aliás, prefiro que venham todos ao invés de eu contar!
Espero encontrá-los!
Beijo doce de Amor.
Rê ( a filha)

Me despeço.




Entre lágrimas e beijos
Sentimentos sufocados
Vontades reprimidas
Verdades não ditas
Medos gigantes

Assim me despeço
E te peço: cuida de mim dentro de você.
Pra não parecer descaso ou mais um caso,
cuido de você dentro de mim.

domingo, 9 de janeiro de 2011

Não acredite em tudo que dizem!!!!



Dizem que não posso voar! Mas não faço outra coisa a não ser dançar entre as nuvens!

Só uma normalidade restrita...



Não sou louca, apenas tenho a normalidade restrita.
Às vezes, minha falta de orgulho beira o ridículo.
Outras, uma vergonha de não sei o quê é quase estúpida.
Meu romantismo tropeça na fantasia.
E minha realidade se abandona...

Tenho urgência por viajar, conhecer o novo.
O novo me fascina, me estimula...
Mas tenho um forte apego ao que já é.

Minha compulsão, às vezes momentânea, por palavras é só uma necessidade de entender o mundo!
E por gostar tanto é que vem delas as coisas que mais me irritam: mentiras, palavras sem compromisso, fofocas...
Me deparo com todos tipos delas (palavras): as significativas, as inúteis e as cortantes!
Minha fé nas pessoas é uma decisão, e minha fé em Deus é o que me sustenta.

Tenho a mente aberta, mas alicerçada em princípios vitais.
Ando com sorriso na alma, mesmo que eu esteja mergulhada em lágrimas.
'É só uma tempestade, vai passar', assim eu penso.
Tropeço após tropeço não adiantam para me fazer descrêr no amor, nas pessoas e na vida.
Meu coração tem pernas firmes. Pode até bambear, mas não cai.

sábado, 8 de janeiro de 2011

Assim prossigo escrevendo.



Abraço letras
Junto palavras
Olho pro mundo
Tento ouvir o que ninguém diz
Tento reproduzir o que algumas pessoas dizem mas sem muita sabedoria
Dou sinônimos às palavras
Procuro enxergar o que NÃO SE PASSA
Golpeio o abstrato
Uno sentimentos de milhares
Tento ser voz de muitos pensamentos covardes
Verbalizo situações
Tento racionalizar emoções
Amplio um sentimento para que enxerguem-o e o reconheçam quando cruzarem o caminho dele.
Deixo as lágrimas falarem
Deixo as falas rolarem
Dramatizo momentos
Exponho a alma
Fico nua por mim, e por outros.
E assim prossigo escrevendo.
Quando escrevo não conto apenas do meu mundo,
cochicho segredos universais,
invento histórias banais,
vivo drama reais.

É injusto.


Como eu não consigo me desprender, e é injusto já que você continua a me esquecer...Me faça um favor: Eu sei que parece estúpido mas, "ARRANQUE-SE" DE MIM!

Falta coragem.

Vez ou outra a gente esconde um sentimento atrás do desejo.
Muda o nome de paixão para tesão, como se fosse possível mudar algo aqui dentro também.
Penso que deveria ser mais fácil falar de sentimentos tão nobres do que expor toda nossa carnalidade...Mas nem sempre é.
É preciso entender a linguagem do outro, a linguagem da gente e então traduzi-la.
O problema é quando não se traduz, não se assume...Então, começam os erros na comunicação.
Mesmo quando usamos linguagens diferentes, a verdade deve existir. Caso contrário, aparecem as frustrações.
Acredito que quando há sentimento, o desejo é potencializado à casa dos milhares e passa a ser inegável, e a necessidade de saciá-lo passa a ser quase um caso de 'vida ou morte'.
Mas quando é só desejo...passa. Simplesmente passa. É vazio, tosco...em vão.

E ainda fico questionando por que é mais fácil, para muitos, expor o corpo do que a alma? Já que deveriam andar juntos...
Falta coragem pra sentir.
Falta coragem pra lutar por um sentimento e sobra pra saciar o corpo.
Falta coragem de VIVER.
Falta...


obs: texto tão bagunçado quanto minha mente.

É o que me pergunto.




De onde vem esse ciúmes atrasado?
De onde vem esse desejo acumulado?
Onde estava esse tesão? Estacionado?

Onde estava essa cumplicidade toda?
Onde se escondia essa falta de vergonha?
Por que se escondia essa coragem?

Por que guardar tanto sentimento?
Pra que deixar nós dois apenas no pensamento?
E a nossa história? Pra que abandoná-la ao vento?

E pra quê se arrepender de falar a verdade?
Pra quê negar essa realidade?
Por que fugir da eternidade?

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Não adianta, não adianta...

Quando bate saudade de quem está longe, o que se faz?
Rever fotos, imaginar o presente, lembrar do passado...? Tudo isso adianta alguma coisa?!
Já se passou um minuto desde que perguntei e... nada mudou. Nada adiantou. Só a vontade que aumentou...e a ausência ficou.

Depende do que se quer alcançar...



Abrir os olhos é imprescindível para enxergar, mas abrir a mente é essencial para mudar o foco.

Ficar na ponta dos pés pode adiantar quando se quer alcançar os lábios do amado
Pular pode funcionar para apanhar uma fruta na árvore.
Colocar-se de pé pode, sim, te fazer ter uma visão melhor a partir da janela...
Levantar as mãos pro alto pode te levar para o colo do Pai (Deus).
Ajoelhar-se pode te trazer descanso, ao reconhecer a soberania e perfeição de Deus.
Mas se quiser tocá-LO derrame seu coração, e na simplicidade e inocência de uma criança, chame-O, e aprenda AMAR 'apesar de'.
Se quer beijar o Céu, aprenda a voar!
E pra aprender a voar, creia! É a Fé Nele que nos faz planar sobre as circunstâncias, que nos faz acreditar no Amor e nas coisas do Céu.