Dupla Delícia.

Dupla Delícia.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Sobre o choro.



Eu choro e o vento seca minhas lágrimas
E cada vez que o vento sopra sinto o gosto salgado da dor.
Mas não me faz mal, não me machuca, nem desespera.
Às vezes...só me suja.
É só poeira de lágrima! Já está seco.
É dor passada, é choro já sentido. E tristezas eu não carrego comigo.
Basta uma sacudida e um pouco de calor, que o suor escorre levando o sal antigo e deixando um novo...cheio de entusiasmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário