Dupla Delícia.

Dupla Delícia.

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Outro dia.

Naquele dia o Céu presenciou a tristeza da menina.
O nó na garganta. O choro engolido. E o sorriso fingido.

Apesar de saqueada, dormiu tranquila, aliviada.
Sabia bem que o seu Deus não a deixaria sozinha nessa jornada.
Sabia que pra ELE ela era A amada.

Acordou.
Outro dia.
Em solidariedade ao que viu, o Céu inteiro se cobriu.
O tempo fechou.
E o 'bem-te-vi' que ela sempre via, hoje ela não viu.
Uma falta estranha ela sentiu.

Prosseguiu com sua rotina habitual.
Mas hoje nada estava tão normal.
Na sua refeição predileta, o pão estava seco.
O mel sem doce.
O leite sem graça.
O chocolate sem sabor.
Talvez seja só uma gripe, resultado da mistura de chuva e calor.

Deixou tudo no mesmo estado
E foi ler o livro "O Menino do Pijama Listrado".
Era o capítulo final, aliás algo que coincidiu com seu mundo atual.
Na história do menino ela entrou
e aproveitando, suas lágrimas ali deixou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário